“O livro é a grande memória dos séculos… se os livros desaparecessem, desapareceria a história e, seguramente, o homem.” - Jorge Luis Borges

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Aconteceu em Paris - Molly Hopkins

Título: Aconteceu em Paris
Série: Eve Dexter - Livro 1
Autor (a): Molly Hopkins
Editora: Novo Conceito
Páginas: 480
Classificação: 4/5
Sinopse: Evie Dexter quer fazer carreira como guia de turismo. Determinada como é, e cheia de coragem por causa de um ou outro drink, ela logo começa a “melhorar” seu currículo. E consegue um ótimo emprego: acompanhar turistas por toda Paris.Agora é só uma questão de se firmar como profissional demonstrando o seu melhor. Mas os vinhos franceses são tão gostosos... E seu tutor, Rob, é bonito demais!
O primeiro romance de Molly Hopkins é um livro que todo mundo gostaria de ler. É verdade que você pode se incomodar com o comportamento de Evie quando ela descobre que Rob é muito rico, e pode até ser que você ache que Rob é exageradamente controlador. Mas nada é maior que as gargalhadas que você dará quanto mais conhecer a garota descomedida, apaixonada e com um imenso coração que é Evie. Uma moça como muitas que conhecemos.
Aconteceu em Paris é o primeiro romance de Molly Hopkins, devo confessar que o inicio da leitura meio que me entediou, mas conforme a história vai se desenvolvendo ele acaba te prendendo mais.
Evie é uma mulher londrina que acaba de ficar desempregada e esta com várias dívidas. Ela mora com sua amiga Lulu em um apartamento com várias coisas que nem elas mesmas sabem a sua serventia. As duas se consideram bêbadas, e em muitas cenas vemos Evie em uma situação que envolvem bebidas. Decidida a conseguir um emprego como guia de turismo, ela conta algumas mentiras que assim fazem com que ela consiga o trabalho.
Na sua primeira viagem, ela conhece Rob, que é o motorista da empresa em que trabalha. E desde o inicia podemos ver que há o maior clima entre os dois. O relacionamento dos dois acaba acontecendo rapidamente, com muitas cenas quentes, mas também com vários momentos fofos e românticos.
Evie é uma mulher compulsiva, irresponsável com seus passageiros (até mesmo fica bêbada durante o trabalho) e consumista. Já Rob é mais responsável e rico (sim ele é  dono da empresa em que Evie vai trabalhar). Assim podemos ver que a química que ocorre entre os dois funciona bem, e em muitos momentos em que os dois estão juntos, podemos dar gargalhadas.
- Você fez um trabalho brilhante! – ele disse, abrindo um grande sorriso. – Mas nada convencional.
- Er... o que quer dizer com não convencional?
- Não estou falando isso porque você esqueceu seu passaporte, ficou embriagada, foi detida por suspeita de roubo, levou os passageiros para a zona de prostituição, ou pelo fato de mentir toda vez que lhe dá na telha – ele reclamou. – Nem estou falando sobre o fato de que você quase esmigalhou a janela do ônibus e quebrou o microfone. (...) O que estou querendo dizer é, bem... – Ele hesitou. – Você fez amigos. Você se deu ao trabalho de conhecer todas as pessoas. Nunca havia trabalhado com um guia que se interessasse em aprender os nomes dos passageiros.
Aconteceu em Paris é m livro que como eu disse no inicio eu não gostei muito, mas conforme a história vai se desenvolvendo, ele acaba sendo uma fluída e fácil. Os personagens são muito bem desenvolvidos, até mesmo os personagens secundários, como sua amiga e irmã, que muitas vezes são egoístas e acabam irritando muito, ou até mesmo Nikki, que é seu amigo e tem uma família maluca. Mas em muitas cenas, não só vem o romance e o humor, mas também tem algumas cenas que são tensas e emocionantes. O final não é o que esperava, e já nos dá vontade de saber o que acontecerá na  continuação em Aconteceu em Veneza.
Ele passou o braço em volta de meu pescoço e me puxou para perto dele, e pressionou os lábios firmes contra os meus. Sua boca era terna, suave e familiar, era como se eu já o tivesse beijado antes, o que, é claro, nunca havia acontecido. Ele afastou meus cabelos e começou a mordiscar minha orelha. Pode ter sido o champanhe ou a loção pós-barba, ou porque era sexta à noite, ou talvez meu celibato forçado, mas eu sabia que precisava transar com ele nesse momento.
Se você quiser, um romance quente com toques de humor, eu recomendo que leiam este livro.

0 comentários:

Postar um comentário

Compartilhar

Twitter Facebook Google Plus LinkedIn RSS Feed Email Pinterest

Google+

Sobre o Blog...

O Rain, Books & Coffee é um blog para compartilhar minhas opiniões, resenhas e novidades sobre livros. Aqui você encontrará de todos os estilos, desde romances até drama. Fique a vontade para compartilhar, sugerir e comentar. Volte sempre...

Quem sou eu

Minha foto

Uma garota de 19 anos, apaixonada por livros, música e também que se apaixonada facilmente pelos personagens dos livros. Considerada bastante tímida, mas que somente as pessoas realmente próximas sabem que é uma garota que pode ser considerada maluca.

Participo!

Follow by Email

Seguidores

Blog Archive

Translate

Entre em Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Facebook

Siga no Bloglovin

Google+ do Blog

Copyright © Rain, Books & Coffee | Traduzido Por: Mais Template - Premium Blogger Templates