“O livro é a grande memória dos séculos… se os livros desaparecessem, desapareceria a história e, seguramente, o homem.” - Jorge Luis Borges

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

[Resenha] Uma Canção para a Libélula - Parte I - Juliana Daglio

Título: Uma Canção para a Libélula - Parte I
Autor (a): Juliana Daglio
Editora: Deuses
Páginas: 235
Classificação: 5/5
Sinopse: Era uma comum primavera numa fazenda qualquer, mas um encontro inusitado aconteceu: a Menina e a Libélula se viram pela primeira vez. Assombrada por um medo irracional da Morte, a Menina é marcada por esse encontro para o resto de sua vida. Compõe então uma canção em seu piano, homenageando a misteriosa libélula. Os anos se passaram, Vanessa vivia em Londres e tinha a vida cercada por seu iminente sucesso como pianista, porém, algo aconteceu, mudando seu destino: Uma doença, uma viagem e um reencontro.  Vanessa precisará encarar fantasmas que sequer lembrava um dia terem assombrado sua vida, tendo de relembrar a morte do irmão e reviver seu conflito com a mãe. E mais importante e mortal, conhecer a grande antagonista de sua vida, a quem chama de Vilã Cinzenta.  De Londres a São Paulo, dos Palcos aos Lagos. “Uma canção para a Libélula” é a história de uma alma perdida e de sua busca por quebrar o casulo de sua existência, para só então compreender o sentido da própria vida. Este livro é um profundo mergulho em uma mente nebulosa, permeada por lagos obscuros e pela inusitada morte; não havendo sequer esperanças. 
Antes de tudo preciso dizer que esse livro acaba de se tornar um dos meus favoritos.
Uma Canção para a Libélula conta a história de Vanessa, uma jovem pianista que vive em Londres com os tios Lorena e Ted e a prima Rebecca. Vanessa ama fazer a sua música, mas odeia as formalidades dos recitais. No prólogo, conhecemos um pouco do passado de Vanessa, quando a menina encontra a libélula e para esta faz uma canção.
Talvez um dia a tal morte chegaria, e em sua eterna ingratidão, por todos os pensamentos dedicados levaria algo precioso, sem dar tempo para se pensar na vida, arrancaria lágrimas como a que viu nos olhos de seu pai naquela tarde, e deixaria uma eterna marca em seu coração. A marca já estava lá.
A partir do primeiro capítulo, acompanhamos o presente de Vanessa, olhando de fora todos podiam imaginar que ela teria uma vida perfeita. Inclusive a própria Vanessa achava que tudo estava correndo bem em sua vida, era uma pianista renomada e famosa, vivia com uma tia que considerava como sua mãe, mas tudo isso muda quando termina com o seu namorado, Jude, e este fala coisas que a deixa abalada e ficar se perguntando se ele tem razão. Além disso, Vanessa se vê obrigada a voltar para São Paulo, depois que seu pai lhe faz uma ligação pedindo que voltasse, Vanessa volta mesmo tendo que conviver em uma casa com fantasmas de sua infância.
Quando uma dor pede para levar embora suas lembranças ruins, ela leva também a parte boa. Arranca as raízes de tudo que você lembrava ser. [...]
Esse livro definitivamente me tocou, o tema principal do livro é Depressão, uma doença que atualmente é bastante comum. A Juliana soube abordar uma história que nos envolve totalmente, muitas vezes me vi chorando pela protagonista. Tenho certeza que muitas pessoas irão se identificar com a história mesmo sem ter tido Depressão, Uma Canção para a Libélula é definitivamente uma história que me fez me apaixonar pela a história de Vanessa e querer lutar por ela. Na história podemos ver quais os danos que poucas palavras podem fazer para uma pessoa que tem Depressão, e esses danos são grandes.
Ao longo da vida nós percebemos que grande parte de nossos ideais são meros disfarces mentais, que as verdadeiras respostas estão submersas em uma camada misteriosa que separa nossa consciência de todas as verdades dolorosas.
A edição esta ótima, não percebi nenhum erro. Os personagens foram muito bem elaborados, são personagens que poderíamos facilmente encontrar ao nosso redor. Enfim, o livro é realmente incrível e emocionante, é impossível não se apaixonar pelo livro. Não vejo a hora de ler a parte II.
Eu realmente recomendo que todos leiam Uma Canção para a Libélula, que não vão se arrepender. Um livro que é emocionante e mostra muito bem como é a vida de uma pessoa com Depressão.

2 comentários:

  1. Caraaamba que liiinda!!
    Essa resenha me pegou de surpresa, e que surpresa mais linda! Obrigada, Jú!
    Fico feliz que tenha gostado assim do livro, e que a Vanessa tenha despertado esses sentimentos em você.
    A parte II, que é a conclusão, chega em Abril, e eu estou ansiosa demais para lançar e poder saber a reação de vocês.

    Ameeei!!!
    Beiiijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Juu, imagina. Você realmente merece tudo isso. O seu livro é incrível e lindo. ♥

      Beijos.

      Excluir

Compartilhar

Twitter Facebook Google Plus LinkedIn RSS Feed Email Pinterest

Google+

Sobre o Blog...

O Rain, Books & Coffee é um blog para compartilhar minhas opiniões, resenhas e novidades sobre livros. Aqui você encontrará de todos os estilos, desde romances até drama. Fique a vontade para compartilhar, sugerir e comentar. Volte sempre...

Quem sou eu

Minha foto

Uma garota de 19 anos, apaixonada por livros, música e também que se apaixonada facilmente pelos personagens dos livros. Considerada bastante tímida, mas que somente as pessoas realmente próximas sabem que é uma garota que pode ser considerada maluca.

Participo!

Follow by Email

Seguidores

Blog Archive

Translate

Entre em Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Facebook

Siga no Bloglovin

Google+ do Blog

Copyright © Rain, Books & Coffee | Traduzido Por: Mais Template - Premium Blogger Templates